Vida Urbana

Vai exagerar? Chás e raízes são velhos aliados contra a ressaca

Muitas pessoas costumam seguir algumas dicas curiosas, como tomar café após a festa ou azeite antes de consumir bebidas alcoólicas.



Herbert Clemente
Herbert Clemente
Vendedor Marcos Antônio diz que boldo é a erva mais procurada

Folhas de hortelã, boldo e até gengibre são alguns elementos procurados por quem deseja se livrar dos sintomas da ressaca, uma velha conhecida de quem costuma exagerar nas festas de fim de ano. “Geralmente quando as pessoas estão passando por esse problema, elas procuram pelo boldo, porque o chá dessa erva alivia o estômago. Então, tem gente que até procura antes da festa e é quase sempre o mais vendido”, afirma o comerciante Marcos Antônio Ferreira, que vende ervas há mais de 20 anos no Mercado Central, no Centro de João Pessoa.

Incomodados com os efeitos da ressaca no organismo, que costuma dar náuseas e dor de cabeça, entre outros sintomas, muitas pessoas costumam seguir algumas dicas curiosas, como tomar café após a festa ou azeite antes de consumir bebidas alcoólicas. Mas os especialistas recomendam que o importante mesmo é se hidratar durante e depois da noitada. “Quem já passou por isso sabe que a sensação não é nada agradável e é capaz de acabar com qualquer programação. Mas uma alimentação adequada pode ajudar a curar a ressaca e também beber bastante líquido, em média 30 a 50 ml por quilo de peso, ou seja, pelo menos 2 a 3 litros por dia”, orienta a nutricionista Alexsandra Santos.

Ao contrário do que muita gente pensa, a mistura entre café e ressaca não é recomendada por especialistas. “No período da ressaca, deve-se evitar bebidas fortes como café, mate e sucos prontos, além de fugir dos alimentos industrializados ricos em sódio, que retém líquido”, explica a nutricionista. “A alimentação em dias de ressaca deve ser de três em três horas, com alimentos leves e frutas ricas em águas e fibras”, completa.

Os sucos e chás também podem ser um aliado no dia seguinte após exagerar na bebida. “A ingestão de chás amargos, como boldo, carqueja e alcachofra, são depurativos e aumentam o bem-estar nesses dias”, afirma Alexsandra Santos.

Para a nutricionista, os sucos mais recomendados para os casos de desidratação e retenção hídrica são aqueles com fonte de potássio (mineral que ajuda a combater os efeitos do sódio na retenção de líquido), magnésio (mineral que é perdido na diurese e deve ser reposto) e vitamina B6. “Exemplos são os sucos contendo água de coco, melancia, melão, uva, salsa, acelga, espinafre, brócolis, couve, cenoura, folhas de nabo, pepino e alface”, sugere.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.