Vida Urbana

Três presos e um agente ficam feridos em tumulto no Roger

Segundo o Trauma de João Pessoa, um dos apenados está em situação grave.




Um tumulto foi registrado na madrugada desta quinta-feira (25) na Penitenciária Flósculo da Nóbrega, o Presídio do Roger, em João Pessoa. De acordo com a gerência do Sistema Penitenciário, a confusão começou depois que um pacote foi jogado para dentro da unidade e os guardas das guaritas evitaram que os detentos o recolhessem. Três detentos e um agente ficaram feridos na confusão. Um dos apenados está em estado grave.

Segundo o gerente executivo do Sistema Penitenciário, Sérgio Fonseca, quando os agentes impediram que presos pegassem o pacote, que teria drogas e celulares, eles se rebelaram e teve início o tumulto. “O GPOE (Grupo Penitenciário de Operações Especiais) e foi preciso efetuar disparos de balas de borracha para controlar a situação”, afirmou.

Na confusão, três presos foram baleados. Um deles foi atendido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ainda no local e não precisou ser levado ao hospital. Os outros dois foram encaminhados para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa.

De acordo com o boletim divulgado pela unidade, na manhã desta quinta, um deles, ainda não identificado, foi baleado na cabeça e está em situação grave. O outro, de 19 anos, foi atingido na orelha e está internado em estado regular. A gerência do Sistema Penitenciário garantiu que apenas armas não letais foram usadas na ação de contenção do tumulto.

O agente penitenciário ferido foi atingido com uma garrafada na cabeça. Segundo o boletim do Trauma, o homem tem 36 anos e está internado com quadro clínico regular.

Na manhã desta quinta-feira (25), a situação no Roger já estava tranquila e não havia sequer reforço na segurança da unidade.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.