Vida Urbana

Traumas de João Pessoa e Campina Grande registram mais de mil atendimentos a acidentados

Hospital de CG registrou mais atendimentos gerais, enquanto o de JP liderou ocorrências por acidentes de moto.




Traumas de João Pessoa e Campina Grande registram mais de mil atendimentos a acidentados. Foto: Reprodução/TV Cabo Branco

Os Hospitais de Trauma de João Pessoa e Campina Grande registraram aumentos consideráveis na quantidade de atendimentos a vítimas de acidente de moto, durante o ‘feriadão’ de 7 de setembro. Entre o sábado (5) e as primeiras horas desta terça-feira (8), as duas unidades registraram mais de 1 mil atendimentos, sendo 217 a pessoas vítimas de acidentes envolvendo motos.

Em João Pessoa, 526 atendimentos foram realizados, sendo 201 considerados graves ou gravíssimos. Apenas na segunda-feira (7), feriado da Independência do Brasil, o Trauma-JP registrou 148 atendimentos, o que representa um aumento de 21% em comparação ao mesmo período do ano passado.

As entradas envolvendo quedas lideram o ranking de emergências tanto do Hospital de Trauma de João Pessoa quanto no de Campina Grande. Na capital, 138 pessoas foram atendidas vítimas de queda, enquanto em Campina Grande foram 119.

Os outros atendimentos realizados no Trauma-JP, foram:

  • Corpo estranho (43);
  • Acidente de automóvel (29);
  • Trauma (26);
  • Agressão física (18);
  • Acidente de bicicleta (16);
  • Pancada (12);
  • Queimadura (seis);
  • Atropelamento (cinco);
  • Arma branca (quatro);
  • Arma de fogo (quatro);
  • Agressão animal (dois);
  • Corte (dois);
  • Acidente Vascular Cerebral (29);
  • Acidente Vascular (quatro).

Dos pacientes atendidos, 30 residiam no bairro do Valentina, 17 dos Bancários, 14 de Cruz das Armas, 14 do Pedro Gondim e 14 de Mangabeira. O município de Bayeux lidera o ranking, com 31 pacientes, seguido por Santa Rita, com 25 atendimentos, Mamanguape com 13, Lucena com 12 e Cabedelo com 12.

 

Em Campina Grande

 

Já no Trauma de Campina Grande, entre as 0h do sábado (5) e as primeiras horas desta terça (8), foram registrados 564 atendimentos, quase cem a mais que o registrado no fim de semana anterior, quando 457 pacientes foram recebidos. A quantidade é maior, ainda, que o registrado pelo Hospital de Trauma da capital João Pessoa.

Desses atendimentos, 119 foram prestados a vítimas de queda, 101 a pessoas envolvidas em acidentes com motos, e os demais a vítimas de acidentes de carro (seis), agressão física (quatro), projetáveis de arma de fogo (seis), arma branca (um), atropelamentos (três), e acidentes com bicicleta (12).

Dos pacientes vítimas de acidentes de moto atendidos no Trauma-CG, 43 eram de Campina Grande, seis de Ingá, três de Alagoa Nova, três de Areial e três Cuité. Atualmente, a unidade conta com 298 leitos e 301 médicos. Com a redução de atendimentos a pacientes infectados pelo novo coronavírus, e o aumento de atendimentos a vítimas de acidentes diversos, a Ala ‘Covid-19’ da unidade foi desativada na última quarta-feira (2).


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.