Vida Urbana

Suspeito tenta violar cerca de penitenciária e cadela alerta agentes

Homem jogou ‘faixa de alumínio’ enrolada em pedras na fiação elétrica do presídio nesta quinta (21).



Reprodução/TV Cabo Branco
Reprodução/TV Cabo Branco
Iluminação dos entornos da penitenciária é precária, segundo os servidores do presídio

Uma tentativa de violar a rede elétrica da Penitenciária de Segurança Máxima Geraldo Beltrão, no bairro de Mangabeira, foi registrada durante a madrugada desta quinta-feira (21). Pela segunda noite seguida, um homem tentou jogar uma espécie de ‘faixa de alumínio’  presa em duas pedras e envolta em fita adesiva, com a intenção de provocar um curto-circuito na cerca elétrica que protege o presídio, visando comprometer a segurança do local. Conforme a Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), nenhum princípio de tumulto foi registrado, e não se pode afirmar que seria uma tentativa de fuga.

De acordo com as informações apuradas pela reportagem da TV Cabo Branco, o homem teve acesso as proximidades do local através de uma mata na lateral da penitenciária. Uma cadela que recebe cuidado dos agentes foi quem observou a aproximação do homem e alertou os agentes através de latidos.

A iluminação dos entornos da penitenciária é precária, segundo os próprios servidores do presídio, e isso facilita esse tipo de ocorrência.

Segundo a assessoria de comunicação da Seap, no momento da ação infratora um dos policiais de plantão deu um tiro de alerta e o homem fugiu. Ele ainda não foi identificado até as 8h40 desta quinta-feira (21).


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.