Vida Urbana

Suspeito de assassinar travesti a tiros é preso em João Pessoa

Segundo a polícia, homem trabalha como motoboy; travesti foi morta após programa no sábado.




Foi preso nesta terça-feira (24) o suspeito de assassinar a travesti Bárbara Mendes no último sábado (21), no Centro de João Pessoa. A primeira informação divulgada pela polícia é de que o suspeito preso trabalha como motoboy. A prisão foi feita pela delegacia de Homicídios da Polícia Civil da Paraíba.

A vítima foi morta a tiros após realizar um programa, conforme informações da PM. O crime aconteceu por volta das 21h na rua Monsenhor Sabino Coelho.

Outras travestis e garotas de programa que estavam no local relataram que Bárbara teria chegado na Rua Monsenhor Sabino Coelho em um veículo de cor preta e começado a correr, quando foi baleada pelo condutor do veículo. As testemunhas não souberam relatar quem era o motorista.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi chamado, mas a travesti não resistiu e morreu antes da chegada da ambulância.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.