Vida Urbana

STTrans intensifica fiscalização para combater estacionamento irregular

Nos primeiros oito dias de fiscalização, os agentes de trânsito autuaram 94 condutores por estacionarem sobre as calçadas.




Da Secom-JP

A Superintendência de Trânsito e Transportes (STTrans) vem intensificando a fiscalização nos locais de maior ocorrência de estacionamento irregular sobre as calçadas de João Pessoa. Nos primeiros oito dias de fiscalização, os agentes de trânsito encontraram muitos veículos em situação flagrante de infração de trânsito. De acordo com dados da Divisão de Operações, nessa primeira semana foram feitas 94 autuações por estacionamento sobre calçadas.

Além da área Central da cidade, as Avenidas Epitácio Pessoa, José Américo de Almeida (Beira Rio), Ruy Carneiro, Josefa Taveira (Mangabeira), Flaviano Ribeiro Coutinho (Manaíra), Olinda (Tambaú), entre outras, também foram fiscalizadas.

Os condutores que estavam irregulares receberam, além da notificação, orientação dos agentes quanto a não poder estacionar nesses locais, exclusivos para a locomoção dos pedestres. A fiscalização é para coibir abusos dos motoristas quanto ao estacionamento nas calçadas e nos passeios públicos.

Os bairros também serão visitados pelas equipes da STTrans. Em Mangabeira, por exemplo, um polo de comércio e serviços (lojas, bancos, consultórios, mercados, etc.) que atrai um grande número de pessoas, onde pedestres e veículos disputam cotidianamente lugares nas calçadas, vias de circulação e estacionamentos.

O desrespeito por parte de alguns motoristas que param sobre a calçada, espaço público exclusivo dos pedestres, é visível pela cidade. Cadeirantes, gestantes, idosos, pessoas com dificuldade de locomoção e crianças sofrem para se locomover nas calçadas quando estas estão obstruídas.

Com o crescente número da frota nas ruas de João Pessoa, hoje em torno de 240 mil veículos automotores, aumentam também os conflitos no trânsito, e as disputas por vagas de estacionamento. As ações da administração pública no sentido de educar pedestres e motoristas busca um trânsito cidadão e mais humanizado. Quem se utiliza das calçadas defendeu as medidas punitivas. "Tem que aplicar as multas. Eu não consigo nem andar direito nessas calçadas. O pedestre tem de disputar lugar com os carros", reclamou o auxiliar de atendimento de uma loja da cidade, Dagoberto Borges.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.