Vida Urbana

Promotores e estudantes irão debater combate à corrupção

“O que você tem a ver com a corrupção?”. Este é o tema da campanha que estudantes e promotores irão discutir nesta sexta-feira.




Da Redação
Com informações da Assessoria do MP

Cerca de 50 representantes de escolas privadas de João Pessoa vão estar nesta sexta-feira (27) reunidos com os promotores Rhomeika Porto e Edmilson Campos, coordenadores da Campanha “O que você tem a ver com a corrupção?”, que objetiva a prevenção contra novos atos do tipo e tem como público alvo justamente os estudantes secundaristas. A reunião terá início às 9h00 e será realizada no Auditório João Bosco Carneiro, na sede do Ministério Público.

“Os coordenadores pedagógicos e os diretores das escolas privadas estão sendo convidados para terem conhecimento de todo o conteúdo da campanha, que pretende prevenir a ocorrência de novos atos de corrupção, a partir da educação de crianças e adolescentes. Eles irão receber todo o material referente a campanha”, informou Edmilson.

De acordo com o promotor, além da divulgação nos meios de comunicação, a campanha será levada às escolas através de palestras realizadas pelos promotores e procuradores, com distribuição de cartilhas educativas e apresentação de vídeos que apontam diversas irregularidades que levam à corrupção.

Ao mesmo tempo em que estiver realizando as palestras nas escolas, o Ministério Público lançará um concurso de redação que terá como tema o combate a corrupção, com premiação dos três primeiros colocados em nível estadual, nas categorias do Ensino Fundamental e Médio. Os primeiros colocados receberão computadores.

Escolas Públicas – Já com relação a Rede Pública de Ensino, Edmilson Campos declarou que está prevista uma reunião para o próximo dia 1º de julho, entre o Ministério Público, o Secretário Estadual de Educação, Neroaldo Pontes, e representantes da União de Dirigentes Municipais de Educação, onde vão planejar como será aplicada a campanha nas escolas públicas.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.