Vida Urbana

Profissionais do Samu recebem capacitação sobre trauma em crianças

Em Campina Grande, os profissionais do Samu recebem capacitação sobre atendimento pré-hospitalar.



Divulgação
Divulgação
Capacitação em Campina Grande

Da Redação
Com Codecom CG

O trauma, que ocupa a primeira causa de morte na infância, foi o tema apresentado nesta terça-feira (24) pelo Núcleo de Educação Permanente (NEP) do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), da Prefeitura de Campina Grande, aos técnicos de enfermagem e condutores socorristas que trabalham no serviço. O objetivo do NEP, que foi implantado no início deste ano, é capacitar os profissionais do Samu no atendimento pré-hospitalar, através da realização de atividades teóricas e práticas que qualifiquem ainda mais os atendimentos feitos à população.

No caso do trauma na criança, tema apresentado pela enfermeira Ana Cristina de Araújo, é mais comum em quedas, atropelamentos, acidentes e agressões físicas. “Para cada óbito, outras três crianças ficarão com sequelas e as lesões de coluna estão presentes em 5% das crianças traumatizadas”, acrescentou a enfermeira. Segundo ela, durante as capacitações, os profissionais trocam experiências e discutem os casos já atendidos.

A capacitação é realizadas três vezes por semana, as terças, quartas e quintas-feiras, pela manhã e à tarde, para contemplar todos os 55 técnicos de enfermagem e 44 condutores socorristas. Também estão participando oito profissionais do Samu de Ingá, que será implantado em breve.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.