Vida Urbana

Professor atira contra assaltantes durante arrastão em escola

Os suspeitos chegaram em duas motos e desligaram a energia da escola. 




Um professor reagiu a um assalto e atirou contra um suspeito na noite de quarta-feira (14), em uma escola estadual localizada no distrito de Jenipapo, na cidade de Puxinanã, no Agreste do Estado. De acordo com a Polícia Militar (PM), o professor também é policial civil e tentou impedir que quatro homens realizassem um arrastão na unidade escolar. 
 
Conforme as informações preliminares do Centro Integrado de Operações Policiais (Ciop), os suspeitos chegaram em duas motocicletas, entraram pelos fundos da escola e desligaram o sistema de energia elétrica. No momento que os bandidos foram abordar os alunos, o professor atirou contra um deles e houve troca de tiros. Um suspeito de 27 anos foi ferido nas pernas e costas.
 
O assaltante foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhado para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande. Ele passou por cirurgia e segue internado sob custódia. Até a publicação desta matéria a unidade hospitalar ainda não havia divulgado o estado de saúde dele.
 
Os outros três suspeitos de invadirem a escola fugiram do local a pé e abandonaram as motos usadas. Ainda de acordo com a PM, os veículos haviam sido roubados recentemente. Policiais fizeram buscas na região, mas nenhum suspeito foi localizado. O professor deve se apresentar espontaneamente nesta quinta-feira (15) para prestar depoimento, ainda segundo a polícia.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.