Vida Urbana

Polícia e STTP vão compartilhar imagens de câmeras de monitoramento

Um convênio entre os órgãos deve trazer melhorias no sistema de monitoramento feito por câmeras no Centro da cidade.




A Superintendência de Trânsito e Transportes Públicos (STTP) de Campina Grande e a Secretaria de Segurança Pública do Estado começaram a discutir, nesta quinta-feira (18), um convênio para compartilhar as imagens das câmeras de monitoramento instaladas no Centro da cidade. O uso vem sendo feito apenas pela polícia.

No início do ano, 38 câmeras em alta resolução com giro de 360 graus e alcance de 400 metros, foram instaladas nas mediações do centro de Campina Grande para monitoramento. O sistema que já estava funcionando em fase de testes, gravando as imagens sofrerá mudanças positivas em sua estrutura, que transmitia imagens via rádio. Nesse período, a coordenação do projeto percebeu as dificuldades na recepção dessas imagens, com falhas e atrasos. Para discutir uma possibilidade que melhorasse a qualidade das imagens para o trabalho de fiscalização, uma reunião aconteceu para firmar a parceria entre a Secretaria de Segurança Pública e a STTP, que entrará com a contrapartida da infraestrutura. 

 
“A STTP vai entrar com uma tecnologia melhor e mais rápida para a captação das imagens”, afirmou o coordenador do sistema, coronel Hilmarton Xavier que explicou que a STTP utilizará cabos de fibra ótica para o sistema de transmissão. Além disso, o coordenador informou ainda que a  Segurança Pública utilizará imagens das câmeras da STTP para complementar o serviço prestado à sociedade. “A STTP disponibilizará também agentes para trabalhar na fiscalização do trânsito junto com o Ciop, utilizando também as câmeras do sistema de monitoramento da Secretaria de Segurança Pública. É uma via de mão dupla”, disse ele que assegurou que a comunicação entre a secretaria e a STTP segue de forma positiva, considerando-a favorável para a ampliação do serviço.
 
A parceria depende apenas dos detalhes que deverão ser acertados numa próxima reunião entre os órgãos para poder ser levada para o setor jurídico. Além da STTP, o corpo de bombeiros e a Polícia Militar devem trabalhar através do sistema. O coordenador informou ainda que a secretaria estenderá o convite para o Samu e a Guarda Municipal se integrarem. 
 


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.