Vida Urbana

Piso salarial dos advogados será discutido em audiência pública pela OAB-PB

Audiência acontece em João Pessoa nesta terça (22). Reuniões ocorrem, ainda, em outras cidades da Paraíba nas próximas semanas.



Francisco França
Francisco França
Comissão ainda está desenvolvendo um trabalho de campo para avaliar o custo de vida da PB

Nesta terça-feira (22) acontece uma audiência pública para discutir o piso salarial dos advogados do Estado, convocada pela Comissão Estadual do Piso Salarial da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Paraíba (OAB-PB).

Segundo o presidente da comissão, o advogado Felipe Mendonça, “as audiências serão excelentes oportunidades para que todos os advogados e escritórios se dirijam à OAB e exponham suas dificuldades e necessidades”. “Deste modo poderemos elaborar um projeto de lei que proponha um piso salarial justo, condizente com a realidade de nosso estado e que atenda aos interesses da classe”, disse.

No dia 29 de março, a audiência acontecerá em Campina Grande. Já no mês de abril, os eventos serão retomados nos dias 12, 19 e 20, nas subseções de Guarabira, Sousa e Patos, respectivamente.

“As cidades que sediarão as audiências são aquelas em que concentram e polarizam o maior número de advogados, razão pela qual todos os profissionais do estado terão a oportunidade de comparecer e manifestar sua opinião na construção do projeto de lei a ser encaminhado ao Governo do Estado”, explicou Felipe Mendonça.

A comissão ainda está desenvolvendo um trabalho de campo para avaliar o custo de vida da Paraíba em relação aos outros Estados da federação e compará-lo com as remunerações mínimas estabelecidas para outras categorias.

A advogada Bruna Gosson, integrante da comissão, salientou que essa metodologia de trabalho “é uma forma de se chegar a uma proposta contendo um valor praticável e que possa ser aplicado aos profissionais que atuam nos mais diversos setores da advocacia”.

 

 


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.