Vida Urbana

PB apresenta saldo quadrimestral de mais de 9 mil registros de empresas mesmo durante pandemia

Entre maio e agosto foram abertas 12.908 empresas e fechadas 3.287, de acordo com os dados.




Mesmo com a pandemia do novo coronavírus, a Paraíba teve um saldo quadrimestral de 9.621 registros de empresas entre os meses de maio a agosto desse ano, de acordo com o Mapa de Empresas, ferramenta digital do Ministério da Economia para acompanhamento dos registro empresariais no país. Durante o período foram abertas 12.908 empresas e fechadas 3.287, de acordo com os dados. Ao final do quadrimestre, o total de empresas ativas no estado era de 239.100.

Quando analisados os dados dos últimos doze meses, os números também apontam um saldo positivo de 28.077 registros de empresas, tendo sido 39.485 empresas abertas no período e 11.408 empresas fechadas.

O mapa ainda traz o ranking do tempo total de abertura de empresas nos estados. A Paraíba ficou em 17º lugar no ranking nacional, com um tempo de 3 dias para viabilidade e registro das empresas, apresentando uma variação de menos sete horas em relação ao primeiro quadrimestre de 2020. Quando analisadas as capitais dos estados, por sua vez, a capital paraibana aparece com um tempo ainda maior: de três dias e duas horas, o que faz o município ficar em 21º lugar em relação às demais capitais brasileiras.

O tempo médio registrado no segundo quadrimestre de 2020 para abertura de empresas no Brasil é de 2 dias e 21 horas, o que representa diminuição de 1 dia (25,8%) em relação ao quadrimestre anterior.

A atividade econômica com maior crescimento no país em agosto foi o comércio varejista de bebidas, que teve aumento de 4,81% no registro de novos negócios, na comparação com o mês anterior. Transporte rodoviários de cargas cresceu 4,77% e promoção de vendas, 3,26%.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.