Vida Urbana

Paralisação da Operação Pipa deixa 180 mil sem água na Paraíba

Exército teve que paralisar temporariamente o abastecimendo d’água em 74 municípios da PB por falta de recursos. Programa deve ser retomado na segunda-feira (8).




Karoline Zilah

Na Paraíba, 74 municípios que dependem do abastecimento do Exército estão sem água desde a segunda-feira (1). É que os recursos financeiros disponibilizados pelo Ministério da Integração Nacional para manter a Operação Pipa acabaram, o que afetou a população da região Nordeste, que tanto sofre nesta época com o clima seco.

Calcula-se que, somente nos 44 municípios paraibanos atendidos pelo 31º Batalhão de Infantaria Motorizada (BIMTz), a população prejudicada chegue a mais de 180 mil pessoas.

É o caso da cidade de Lagoa Seca, situada na região metropolitana de Campina Grande. Estima-se que cerca de 11 mil pessoas nas 80 localidades rurais do município estão sendo atendidas em caráter emergencial pelos quatro carros-pipa fornecidos pela prefeitura, o que não seria suficiente para todos, enquanto o Exército costuma fazer o abastecimento com nove carros.

Segundo a coordenadora da Comissão Municipal de Defesa Civil, Lúcia de Fátima, a situação é preocupante porque, embora alguns reservatórios estejam em 70% de sua capacidade, a água não é própria para consumo humano.

A Prefeitura recebeu um comunicado do quartel responsável por abastecer a região informando que o Exército trabalhou até fevereiro com recursos do ano de 2009, e que as verbas acabaram.

“É temporário, devido a uma questão orçamentária, mas estamos dependendo de que os recursos sejam novamente liberados para que a população volte a receber água com a frequência necessária”, explicou.

O Paraíba1 procurou o Ministério da Integração e o Exército para esclarecer o assunto. O primeiro revelou que na última terça-feira foi feito um repasse de R$ 23 milhões ao Ministério da Defesa Nacional. Já o Exército informou que o programa não foi suspenso, mas apenas paralisado temporariamente.

A expectativa é de que, até a próxima segunda-feira (8), o atendimento aos 620 municípios brasileiros cadastrados seja normalizado em todo o País.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.