Vida Urbana

Obras de transposição do Rio São Francisco na PB estão atrasadas

Atraso no pagamento de indenizações e problema com burocracia com licitações podem estar atrasando as obras da transposição em São José de Piranhas.




Da Redação
Com Informações da Paraíba FM

As obras da transposição do Rio São Francisco estão praticamente paradas na cidade de São José de Piranhas, no sertão paraibano. A burocracia e atrasos gerados por problemas nas licitações seriam os principais motivos para a lentidão.

Cerca de 150 trabalhadores já teriam sido dispensados dos serviços e a escavação de um túnel de 15 km estaria muito lenta. As informações são de que o Governo Federal não está liberando verba para dar continuidade às obras.

Alguns proprietários de casas e terrenos que precisam ser desapropriados para a execução do projeto, não teriam recebido suas indenizações, retardando as obras de transposição.

José Luís, que é o engenheiro responsável pelo projeto de gestão de transposição das águas do Rio São Francisco, em contato com a Paraíba FM, disse que realmente existe um problema burocrático em relação a atrasos em licitações e que isso diminuiu o ritmo das obras.

No entanto, ele negou que tenha acontecido qualquer tipo de corte de verba federal ou paralisação dos trabalhos. Ele garantiu, ainda, que existe vontade política por parte do Governo Federal de que o projeto seja concluído.

Em relação à dispensa dos trabalhadores, o técnico afirmou que a área onde estes funcionários executavam os serviços já estava concluída.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.