Vida Urbana

OAB-PB sugere piso salarial de R$ 2.800 para advogados

Sugestão para jornada de 40 horas de trabalho semanais. 



Divulgação
Divulgação
Documento agora segue para a análise do Conselho Estadual da OAB-PB

O relatório final da proposta de fixação do piso salarial dos advogados empregados na Paraíba, contratados no regime celetista, aponta um valor de R$ 2.800 para uma jornada de 40 horas de trabalho semanais.
 
O documento, elaborado pela Comissão Estadual do Piso Salarial da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Paraíba (OAB-PB), segue para apreciação do Conselho Estadual da OAB-PB e caso aprovada será encaminhada ao Governo do Estado em forma de anteprojeto de Lei. 
 
O presidente da OAB-PB, Paulo Maia, ressaltou que a Comissão elaborou o relatório, após um “trabalho árduo e dedicado, com base em muitas reuniões e ouvindo a categoria em audiências públicas nas cidades de João Pessoa, Campina Grande, Patos, Sousa e Cajazeiras”.
 
Ele ressalta ainda que é importante não confundir o piso salarial com o piso ético, e que a proposta destina-se apenas aos advogados empregados, ou seja, os regidos pela CLT, não se aplicando aos demais tipos de trabalho do profissional da advocacia.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.