Vida Urbana

Mulher com suspeita de coronavírus morre em hospital de João Pessoa

Caso foi divulgado pela Secretaria de Saúde da Paraíba nesta quarta-feira.





Uma mulher de 39 anos, notificada como caso suspeito de contaminação por coronavírus (Covid-19), morreu em um hospital particular de João Pessoa na madrugada desta quarta-feira (18). A informação foi confirmada pelo secretário Executivo de Estado da Saúde, Daniel Beltrammi, em entrevista à TV Cabo Branco.

Beltrammi confirmou que a paciente foi internada com problemas respiratórios graves, que o quadro evoluiu e terminou morrendo. “Conhecemos o caso, está enquadrado como caso suspeito. Estamos aguardando o posicionamento do laboratório de saúde de referência, que é o Instituto Evandro Chagas, no Pará. Estamos acompanhando o processo e assim que tivermos notícia nós a divulgaremos, claro”, afirmou.

A assessoria da Secretaria de Estado da Saúde (SES) informou que a paciente foi notificada como caso suspeito nesta terça-feira (17). A mulher é um dos suspeitos que ainda estão em investigação na Paraíba. Ainda segundo a SES, a mulher já teria alguns agravos de saúde, com reincidência de internações hospitalares e não tem histórico de contato com outros casos suspeitos de coronavírus já notificados no estado.

Em nota, o Hospital Universitário Nova Esperança disse que a paciente que morreu estava internada há 13 dias para tratamento de dispneia (dificuldade de respirar), doença articular e complicações de uso crônico de corticoide. Ela era portadora de doença reumatológica e provável doença pulmonar intersticial. Evoluiu com um quadro de pneumonia, síndrome respiratória aguda grave, hipoxemia refratária e acabou morrendo, após tratamento em leito de isolamento de terapia intensiva. A paciente também foi internada de forma isolada.

Balanço

Até o momento, a Paraíba realizou a notificação de 97 casos, sendo 1 confirmado, 16 descartados e 80 aguardam resultado da análise dos exames pelo Instituto Evandro Chagas, em Belém-PA, referência regional. Todos os exames são realizados seguindo os critérios estabelecidos pelo Ministério da Saúde. O último boletim foi divulgado na tarde desta quarta-feira (18), quando houve a confirmação do primeiro caso da Covid-19 na Paraíba.

Os casos só são oficialmente reconhecidos como suspeitos após confirmação do Ministério da Saúde (MS). Os números divulgados pelas secretarias estaduais e o Ministério da Saúde não são necessariamente iguais, já que os órgãos têm horários e procedimentos distintos para apresentação de seus boletins diários.

 

 

 

 


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.