Vida Urbana

Moradores fecham rodovia entre Matureia e Imaculada

A Polícia Militar da cidade de Teixeira foi acionada para tentar minimizar as causas do bloqueio na estrada.




A falta de sinalização na PB-110, no trecho entre as cidades de Matureia e Imaculada, Sertão do Estado, provocou a revolta de várias pessoas que fecharam a rodovia na manhã de ontem reivindicando a colocação da placas no local. Um dos pontos mais perigosos, segundo os moradores das duas cidades é a ‘Curva de Neneco’, que tem provocado vários acidentes. Mais de 50 manifestantes colocaram pneus na pista e impediram a passagem dos motoristas, o que provocou um congestionamento de cerca de quatro quilômetros nos dois sentidos da via.

A Polícia Militar da cidade de Teixeira foi acionada para tentar minimizar as causas do bloqueio na estrada, contudo, apenas ambulâncias e veículos que apresentavam urgência em seguir viagem passaram pelo bloqueio. A rodovia estadual passou recentemente por um processo de recuperação no asfalto, mas a ausência de placas que orientem os motoristas sobre as curvas no local tem sido a justificativa para muitos acidentes que têm acontecido.

“A situação não pode continuar do jeito que está. Toda semana é gente morrendo aqui de acidente. A última vez que isso aconteceu foi no sábado passado, com um motoqueiro que acabou se acidentando porque não tinha placa indicando a curva e ele saiu da pista. Decidimos fechar a pista para ver se alguma providência é tomada, porque do jeito que está, mesmo com a pista boa, sem sinalização fica muito perigoso e com muitos acidentes”, disse Roberto dos Santos, morador de Matureia que participou do protesto.

Hélio Cunha Lima, diretor de Obras do Departamento de Estrada e Rodagens (DER) informou que já pediu que a empresa responsável pelas obras na estrada colocasse alguma sinalização no local. “Nós só podemos exigir uma sinalização de verdade quando a obra estiver pronta, e o fim está previsto para o mês de abril”, afirmou o diretor.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.