Vida Urbana

Moradores fazem protesto na BR-230

 Moradores do bairro São José, em João Pessoa, são contra aprovação de projeto de reurbanização sem que sejam feitas discussões com a comunidade.



Kleide Teixeira
Kleide Teixeira

Cerca de mil moradores do bairro São José, em João Pessoa, realizaram um protesto na tarde de ontem. A manifestação dos moradores foi contra o projeto da Prefeitura que fará a reurbanização do bairro. Os moradores informaram que não foram consultados sobre as obras e temem ficar desabrigados.

Durante a mobilização, os manifestantes queimaram pneus e interditaram um trecho da BR-230, que ficou congestionada por mais de duas horas.

De acordo com o representante dos moradores, Jonathan Dário, o projeto para reurbanização do local não foi discutido e elaborado com a participação dos moradores. Outra preocupação dos moradores é quanto à relocação das famílias e à organização dos estabelecimentos comerciais.

A dona de casa Wellitânia Lúcia da Silva mora no bairro há 28 anos e teme ficar desabrigada junto com a família, quando as obras começarem.

Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros estiveram no local do protesto. De acordo com a assessora de comunicação da PRF Keilla Melo, a manifestação dos moradores foi pacífica, mas o trânsito ficou congestionado. Para amenizar a situação, a PRF desviou o tráfego para as ruas principais do Jardim Luna e João Agripino.

A secretária de Planejamento de João Pessoa, Estelizabel Bezerra de Souza, disse que o projeto para o São José foi pensado para atender aos moradores e comerciantes do local.

De acordo com a secretária, o projeto qualifica o bairro para receber recursos.

O arquiteto Marcos Suassuna aponta falhas no projeto de reurbanização apresentado pela Prefeitura e defende uma licitação para a reurbanização. Segundo o arquiteto, o projeto não aproveitou os terrenos vazios que existem no bairro e as residências que serão construídas apresentam tamanho padronizado e não comportariam a maioria das famílias.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.