Vida Urbana

Latam anuncia cobrança por malas despachadas em voos domésticos

Primeira mala de 23 kg despachada custará R$ 50 ao passageiro.



Divulgação
Divulgação
Latam é a segunda companhia aérea a anunciar a cobrança por mala despachada em voos domésticos

A compania aérea Latam informou nesta segunda-feira (6) que vai cobrar R$ 50,00 pela primeira mala de 23 quilos despachada pelos passageiros em voos domésticos. A empresa é a segunda a anunciar a cobrança por mala despachada em seus voos; em fevereiro, a Gol Linhas Aéreas anunciou que cobrança será feita em passagens compradas a partir de 14 de março.

A permissão para que as empresas aéreas cobrem para despachar as bagagens, aprovada pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), vale para quem comprar passagens a partir do dia 14 deste mês. O peso permitido para a bagagem de mão vai passar de 5 quilos para 10 quilos.

Segundo a Latam, nos próximos meses o despacho da primeira bagagem de 23 quilos ainda será gratuito, e a cobrança será apenas sobre o excesso. Com a implementação da nova regra, a primeira mala de 23 kg custará R$ 50,00. A segunda mala de mesmo peso custará R$ 80. O excesso de peso vai custar entre R$ 120 e R$ 200. 

Os voos da Latam para a América Latina terão a primeira mala de 23 quilos gratuita, e a segunda custará US$ 90. Nos demais voos internacionais, será permitido levar duas malas de 23 quilos gratuitamente.

A empresa espera reduzir em até 20% as tarifas mais baratas disponíveis para voos domésticos até 2020. “A experiência internacional mostra que os preços das passagens caíram, e mais pessoas passaram a usar o transporte aéreo onde a bagagem despachada é cobrada à parte”, diz a Latam, em nota.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.