Vida Urbana

João Azevêdo anuncia cidades que vão receber os 84 respiradores adquiridos pelo Estado

Com a instalação dos equipamentos, Estado conclui Plano de Contingência para a Covid-19.




Foto: Divulgação Secom/PB

O governador da Paraíba, João Azevêdo (Cidadania), anunciou nesta segunda-feira (29) as cidades que receberão os 84 respiradores que chegaram ao estado semana passada. Com a instalação dos equipamentos, a Paraíba conclui o plano de expansão de leitos previstos no Plano Estadual de Contingência para a Covid-19.

Os equipamentos foram retidos pelo Ministério da Saúde, mas após uma ação dos Ministérios Públicos Estadual e Federal, junto à Justiça Federal, foram recebidos pela Secretaria de Estado da Saúde no último dia 22. Agora eles seguirão para novos leitos de UTI que vão ser instalados nos seguinte municípios:

  • UPA de Princesa Isabel (1);
  • Hospital Regional de Cajazeiras (2);
  • UPA de Cajazeiras (3);
  • Hospital Regional de Piancó (8);
  • Hospital de Pombal (5);
  • Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro (4),
  • UPA de Guarabira (3);
  • Hospital de Clínicas de Campina Grande (12);
  • Maternidade Frei Damião II (20);
  • Hospital Solidário de João Pessoa (21);
  • UPA de Santa Rita (3);
  • Hospital de Mamanguape (2).

“Com isso, estamos atendendo todas as regiões do Estado e reforçando as estruturas existentes para que a gente possa atender melhor a população, principalmente, nesse momento em que há uma interiorização dos casos de Covid no Estado”, pontuou João Azevêdo.

O gestor estadual também reforçou a necessidade da manutenção das medidas de isolamento social, recomendadas pelas autoridades de Saúde no Estado, já que a Paraíba vive uma interiorização da pandemia, quando 217 dos 223 municípios registram casos da doença.

Até esta segunda (29), segundo a Secretaria de Estado da Saúde (SES), há 45.057 casos confirmados de coronavírus e 931 óbitos, distribuídos em 217 municípios. Na Grande João Pessoa, a taxa de ocupação dos leitos de UTI adulto é de 70%. Em Campina Grande, a taxa é de 65%, e no Sertão, 48%.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.