Vida Urbana

Ideb: Paraíba tem nota inferior à média do país

Paraíba supera meta do Ideb, mas permanece com notas inferiores.




O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb 2011) divulgado ontem pelo Ministério da Educação (MEC) revelou que a Paraíba superou as metas estabelecidas para o ensino fundamental e médio em 2011, contudo permanece com notas menores que a média nacional. As notas do Estado também são inferiores à média do próprio Ideb cujo indicador varia em uma escala de 0 a 10. No ensino fundamental, a nota do Ideb ficou em 4,3 pra fase inicial e 3,4 para fase final. Já no ensino médio a Paraíba recuou em 0,1 ponto ficando em 3,3. Os dados da última edição do Ideb foram divulgados ontem pelo MEC.

De acordo com o levantamento, a situação do ensino médio é a mais preocupante no país, uma vez que houve redução de notas em nove dos 27 Estados brasileiros. Além da Paraíba, a qualidade do ensino médio caiu também no Acre, Maranhão, Espírito Santo, Pará, Alagoas, Paraná, Bahia e Rio Grande do Sul. Em 2009, a diminuição das notas foi verificada apenas em Roraima e no Distrito Federal.

Apesar da diminuição da nota do Ideb 2011 no ensino médio, com nota 3,3 a Paraíba também alcançou a meta estabelecida pelo MEC que era de 3,3. Este foi o primeiro resultado onde houve recuo do indicador no Estado. Desde 2005, primeira edição do Ideb no ensino médio, a Paraíba apresentava a evolução das notas, saindo do patamar de 3,0 em 2005, para 3,2 em 2007 e 3,4 em 2009.

O Ideb do ensino médio da Paraíba foi com a 3ª nota da região Nordeste, ficando o Estado atrás apenas de Pernambuco (3,4), segundo melhor indicador, e do Ceará (3,7) que desde a primeira edição do Ideb, em 2005, apresenta os melhores resultados na região. A média do país, contudo, ficou em 3,7 e está 0,4 acima da nota obtida pelo ensino médio na Paraíba.

Ao divulgar o resultado, o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, argumentou que “internacionalmente” o ensino médio continua sendo um “grande desafio” para qualquer sistema educacional. Ele defendeu que o currículo da etapa precisa ser reformulado porque é muito sobrecarregado.

Por outro lado, o melhor resultado no Ideb na Paraíba, foi apresentado na fase inicial do ensino fundamental. A nota ficou em 4,3 e apresentou uma evolução de 0,4 ponto em relação a 2009 quando o indicador ficou em 3,9 e já superava a meta estabelecida pelo MEC para 2011 que era de 3,8. O resultado do mais recente Ideb na Paraíba foi o terceiro melhor da região Nordeste, ao lado de Pernambuco que teve a mesma nota. No topo do ranking ficaram o Ceará (4,96) e Piauí (4,4). Contudo, a média do país foi bem superior, ficando em 5.

Nas séries finais do ensino fundamental, do 4º ao 8º ano, a Paraíba apresentou melhoria do indicador que subiu de 3,2 em 2009 para 3,4 em 2011. Com o resultado,que apresentou elevação de 0,2, o Estado superou a meta de 3,2 estabelecidos pelo MEC, mas ficou apenas com a 5ª nota na região Nordeste, atrás do Ceará (4,2), Piauí (4,0), Maranhão (3,6), Pernambuco (3,5).
 


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.