Vida Urbana

Homem é assassinado com 3 tiros no Mutirão

Servente de pedreiro foi morto a tiros na noite do último domingo (28); crime aconteceu no bairro do Mutirão e foi praticado por dois homens.




A Polícia Militar (PM) registrou na noite do último domingo um homicídio no bairro Mutirão em Campina Grande. O servente de pedreiro José Roberto da Silva Costa, de 21 anos, foi executado com três tiros de espingarda calibre 12 na rua Rafaela Sousa Silva por dois homens que chegaram em uma motocicleta. Ele morreu no local.

De acordo com o Centro de Operações da Polícia Militar (Copom), a vítima residia no mesmo bairro, mas os familiares não souberam informar se José Roberto estava sofrendo ameaças ou se tinha ligação com o tráfico de drogas na região.

Uma moradora do bairro, que não quis se identificar, informou que a vítima tinha chegado em casa com um amigo, mas logo em seguida saiu sozinho e em poucos minutos chegou a informação que ele havia sido morto. “Ele chegou numa moto com um amigo, mas não sabemos de onde eles vinham. Logo depois ele saiu sozinho e quando a gente menos esperava, chegou a notícia”, contou a vizinha da família.

A delegada de Homicídios, Cassandra Duarte, informou que ainda não foi identificado nenhum suspeito de ter praticado o crime e que a “lei do silêncio” que existe no local do crime atrapalha as investigações. “A motivação do crime ainda é desconhecida, também não conseguimos identificar os possíveis envolvidos porque a população tem medo de falar”, disse Cassandra.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.