Vida Urbana

Fila para inscrição em casas populares começou a ser formada na sexta-feira

Inscrições para casas começaram nesta segunda-feira e as duas mil fichas distribuídas não atingiram nem metade dos presentes no local.



Artur Lira
Artur Lira
Nesta segunda-feira (26) a prefeitura distribuiu 2 mil fichas para atendimento, que não chegaram nem a metade do total de pessoas na fila

As inscrições para o sorteio de moradias no conjunto habitacional Aluízio Campos, em Campina Grande começaram na manhã desta segunda-feira (26), no ginásio O Meninão, no bairro Dinamérica. Entretanto, desde a última sexta-feira (23) interessados já haviam começado a acampar em frente ao ginásio para garantir o atendimento na fila. 

Nesta segunda-feira (26) a prefeitura distribuiu 2 mil fichas para atendimento, que não chegaram nem a metade do total de pessoas na fila. A intenção era atender mil pessoas por dia, mas as expectativas foram superadas e a demanda foi dobrada. As inscrições acontecerão até o próximo dia 6 de novembro e, em uma nova estimativa, a prefeitura acredita que receberá mais de 10 mil pessoas. 
 
No ato da inscrição, é necessário a apresentação do RG, CPF, Número de Identificação Social (NIS atualizado), comprovante de residência, comprovante de estado civil e o comprovante de renda (até R$ 1.600,00). As famílias com pessoas que apresentam deficiência física deverão apresentar também o laudo médico, atualizado, indicando a patologia e o código da deficiência (CID).
 
As pessoas contempladas com imóveis no Aluízio Campos passarão a morar em um conjunto habitacional com completa infraestrutura. O valor das prestações mensais vai variar de R$ 25,00 a R$ 70,00, conforme a margem salarial do contemplado. Segundo estimativa da Secretaria de Planejamento (Seplan), das 4,1 mil casas, as primeiras mil serão entregues em maio de 2016.
 


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.