Vida Urbana

Falta água em Campina Grande e mais oito cidades nesta quinta-feira

Cagepa vai realizar ajustes técnicos na Estação de Gravatá, que foi atingida por incêndio no mês de março.




Faltará água em Campina Grande, Pocinhos, Queimadas, Caturité, Barra de Santana, Alagoa Nova, Lagoa Seca, Matinhas e São Sebastião de Lagoa de Roça.

Os moradores de Campina Grande e mais oito municípios vão ficar sem água nesta quinta-feira (11). A Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa) divulgou que o abastecimento de água será temporariamente interrompido, a partir das 7 horas. Todavia, vai ser restabelecido de forma progressiva, a partir das 22 horas do mesmo desta quinta.

De acordo com o comunicado da direção da Cagepa, a interrupção na distribuição de água tem como objetivo a realização de ajustes e melhorias técnicas na Estação de Gravatá, que foi atingida por incêndio no mês de março, e reparos de vazamentos nas adutoras de tratamento de água.

Além de Campina Grande, vai faltar água em Pocinhos, Queimadas, Caturité, Barra de Santana, Alagoa Nova, Lagoa Seca, Matinhas e São Sebastião de Lagoa de Roça.

Relembre o caso

No dia 15 de março, numa sexta-feira, a Cagepa informou por meio de nota a subestação elétrica que funciona na estação de tratamento de água de Gravatá, na cidade de Queimadas, teria sofrido uma pane elétrica e, por isso, todo o sistema foi desligado deixando Campina Grande e mais oito cidades sem água. O abastecimento só foi normalizado 10 dias depois.

No período, a Cagepa precisou dividir Campina Grande em duas áreas e o abastecimento funcionou em forma de rodízio. Por causa das condições topográficas, muitas ruas e comunidades ficaram sem abastecimento e a companhia teve que contratar carros-pipa para levar água até os moradores.

Enquanto isso na subestação elétrica, a Cagepa precisou fazer toda a reconstrução do local como também pegou emprestado transformadores de energia elétrica. Na pane elétrica, os quatro existentes queimaram. Mais de 50 funcionários trabalharam em todos os turnos para acelerar o processo.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.