Vida Urbana

Em pouco mais de 10 dias, 50 estabelecimentos são fechados em João Pessoa

Força-tarefa tem fiscalizado pontos comerciais, identificando se há descumprimento do decreto que proíbe o funcionamento.




A força-tarefa da Prefeitura Municipal de João Pessoa já fechou 50 estabelecimentos da capital que ignoraram os decretos estadual e municipal e abriram as portas em meio à pandemia de Covid-19. O balanço da ação, divulgado na quinta-feira (14), também informa que além dos pontos comerciais fechados, 145 notificações e 34 autuações foram aplicadas no últimos 12 dias.

A fiscalização da prefeitura tem acontecido por bairros. Na quinta (14), a força tarefa atuou nos bairros da Penha e Portal do Sol, onde um estabelecimento foi fechado e 11 foram notificados para se adequarem às medidas restritivas estabelecida em decreto. Ao todo, os seguintes bairros já foram visitados: Manaíra, Mangabeira, Torre, Geisel, Cruz das Armas, Tambaú, Bessa, Jardim Veneza, Bairro das Indústrias, Vieira Diniz, Alto do Mateus e Centro.

“Nossas equipes estão nas ruas todos os dias para fiscalizar se os estabelecimentos estão cumprindo as medidas de isolamento social, como higienização dos locais de exposição dos produtos, controle do fluxo de clientes, uso de máscaras por clientes e funcionários, dentre outras medidas”, afirmou a secretária do Procon-JP, Maristela Viana.

A fiscalização é realizada por uma equipe composta pelas secretarias de Desenvolvimento Urbano (Sedurb), Planejamento (Seplan), Mobilidade Urbana (Semob), Segurança Urbana e Cidadania (Semusb), Vigilância Sanitária, Procon-JP e Procuradoria-Geral do Município (Progem).


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.