Vida Urbana

Docentes debatem em Campina

Nas escolas estaduais e municipais e na Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), as aulas ficam suspensas até hoje.




O segundo dia de mobilização nacional em defesa do pagamento do novo piso nacional dos professores foi marcado por debate realizado no auditório da Associação Comercial de Campina Grande (ACCG). Nas escolas estaduais e municipais e na Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), as aulas ficam suspensas até hoje.

Pela manhã, a professora Andréia Ferreira da Silva, doutora em Educação pela Universidade Federal Fluminense, falou sobre a necessidade de as prefeituras e Estados pagarem o novo piso, bem como de a União passar a ter um papel mais decisivo na educação básica.

“O governo federal tem o dever de atuar em regime de colaboração com as prefeituras e Estados, mas isso não vem sendo plenamente respeitado, muito embora esses outros dois entes não podem se valer disso para justificar os poucos investimentos no setor”, disse.

À tarde, a palestra foi proferida pelo professor Rogério Gurgel, mestre em Educação pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB).

Os debates foram promovidos pelo Comitê em Defesa da Autonomia da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), juntamente com o Sindicato dos Trabalhadores do Agreste da Borborema (Sintab). Hoje, a partir das 9h, será realizada, na Praça da Bandeira, um ato público em defesa da saúde e da educação. (Alberto Simplício)


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.