Vida Urbana

Coronavírus: locadora de veículos, escola de enfermagem e financeira são fechadas pelo Procon-JP

Desde segunda-feira (23), doze estabelecimentos já foram fechados durante a fiscalização.




Desde segunda-feira (23), doze estabelecimentos já foram fechados durante a fiscalização. Foto: Procon-JP/Divulgação

O Procon de João Pessoa fechou uma locadora de veículos, uma financeira e uma escola de enfermagem nesta quarta-feira (25), por descumprimento do Decreto Estadual, que proíbe o funcionamento de estabelecimentos que não se enquadrem dentro dos chamados serviços essenciais.

Desde a última segunda-feira, doze estabelecimentos foram fechados. Dentre eles estão lojas do comércio varejista, locadoras de veículos, lanchonetes, escolas e escritórios. “Os consumidores podem continuar ligando ou enviando as denúncias através do Instagram e de email”, orientou o secretário Helton Renê.

Vários serviços em João Pessoa foram suspensos, a exemplo do transporte público, bancos, shoppings, bares e restaurante que foram fechados devido às medidas preventivas para evitar a disseminação do novo coronavírus. Supermercados e similares, farmácias, padarias e clínicas (inclusive veterinárias) são alguns locais que podem funcionar.

Os estabelecimentos que forem flagrados desobedecendo à determinação do fechamento das portas serão penalizados de acordo com a legislação. Quem descumprir a quarentena terá o estabelecimento interditado e poderá receber multas que podem chegar a R$ 30 mil. Os estabelecimentos têm até 10 dias para fazer a defesa.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.