Vida Urbana

Coronavírus: Catedral de Patos reabre para realização de missas com a presença de fieis após 106 dias

A recomendação é que crianças e idosos ainda não participem das celebrações neste momento de retomada.




Catedral de Patos reabre para realização de missas com a presença de fieis após 106 dias. Foto: Reprodução/Pascom

Nos últimos meses, os católicos da cidade de Patos, no Sertão da Paraíba, precisaram acompanhar as celebrações religiosas através do rádio, internet e outros meios de comunicação, por causa da pandemia provocada pelo novo coronavírus. Após 106 dias, os fiéis puderam voltar à Catedral de Nossa Senhora da Guia na quinta-feira (2). Das nove igrejas, oito já retornaram às celebrações com fieis.

Neste primeiro momento de retorno, a recomendação é que crianças e idosos ainda não participem das celebrações, continuando a acompanhar as missas através das transmissões. Para participar das missas de forma presencial, é necessário realizar um agendamento na secretaria paroquial.

A Diocese de Patos publicou um vídeo em suas redes sociais, mostrando o retorno das missas e apresentando as medidas que estão sendo tomadas, com o objetivo de evitar a contaminação. Dentre as principais estão o distanciamento entre as pessoas durante a entrada e nos bancos; álcool em gel nas entradas principais da Catedral e o uso de máscaras por todos os presentes no interior da igreja.

Equipes da Catedral acolhem os fieis, conferindo os seus nomes em listas de agendamento e a temperatura corporal, antes da entrada na igreja. O distanciamento no interior da Catedral foi definido com duas ou, no máximo, três pessoas sentando em cada banco.

O pároco da Catedral de Nossa Senhora da Guia, padre Joácio Nóbrega, disse que mesmo com as medidas, muitos católicos ainda temem participar das missas e o agendamento não chegou a completar o quantitativo esperado pela Diocese.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.