Vida Urbana

Bebês da UTI do Hospital Edson Ramalho são vestidos com trajes juninos

Um ensaio fotográfico marcou a celebração do primeiro São João dos recém-nascidos.




Foto: divulgação/PM

Os recém-nascidos, internados na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Neonatal do Hospital da Polícia Militar da Paraíba Edson Ramalho, em João Pessoa, não ficaram de fora dos festejos juninos. Para celebrar o primeiro São João e esperar pelo São Pedro, 10 bebês neonatais foram vestidos com trajes juninos e participaram de um ensaio fotográficos acompanhados das mães. O momento foi registrado nesta nesta quinta-feira (25).

As peças vestidas por eles remetem à colheita do milho, comidas típicas, fogueiras, fogos de artifícios e as tradicionais quadrilhas juninas. Produzidas em tecidos típicos nordestinos e com direito ao tradicional chapeuzinho de palha, as roupas transformaram os recém-nascidos em matutinhos e matutinhas que, mesmo sem saber, encantaram os profissionais da UTI e as mamães que seguem acompanhando o tratamento dos bebês.

“O acolhimento dessas famílias é tão importante quanto o tratamento oferecido a seus filhos. As mães que presenciam a evolução dia a dia sabem que aqui não existe só a técnica e a ciência, mas existe o apoio, o carinho genuíno e a vontade de abraçar o sofrimento e a tristeza de cada família; assim como a alegria de comemorar cada melhora e cada alta”, destacou a gerente de enfermagem do hospital, sargento Laura Georgiana.

Foto: divulgação/PM

Algumas mães seguraram seus bebês para o momento das fotos. A estratégia de vestir os recém-nascidos de acordo com a data comemorativa foi implantada desde o ano passado, quando os pequenos que estavam hospitalizados usaram as primeiras fantasias.

No dia das crianças, eles foram fantasiados de heróis, representando a força deles na batalha travada desde o começo da vida. A ideia foi repetida no natal, carnaval, páscoa e agora no São João.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.