Vida Urbana

Artesãos de CG vão receber autorização para usar Vila do Artesão

Ao todo, 270 artesão receberão autorização para trabalhar na nova área cultural e comercial da cidade. Inauguração do local está prevista para 18 ou 19 de dezembro.



Divulgação/Codecom
Divulgação/Codecom
Artesãos terão 15 dias para organizarem as lojas

Da Redação
Com Codecom

A Vila do Artesão, em Campina Grande, está com inauguração prevista para acontecer entre os dias 18 e 19 de dezembro. O espaço receberá 270 artesãos que desenvolverão seus trabalhos no local. Os termos de cessão de uso da área serão entregues na próxima sexta-feira (26), às 9h30, no auditório do Centro de Tecnologia Severino Loureiro (antigo Museu Vivo da Ciência).

Como a nova área cultural e comercial da cidade está prevista para ser inaugurada na segunda quinzena de dezembro, os artesão terão um período de pouco mais de 15 dias para a organização e decoração de suas lojas.

As obras da Vila do Artesão foram iniciadas em julho de 2009 e contam com um terreno de 5.880 m² e uma área de construção de 2.775 m². Os serviços de construção foram executados pela Construtora Ágape e geraram mais de 100 empregos. A obra representa um investimento superior a R$ 2 milhões.

O espaço destinado ao artesanato contará com 77 lojas, “espaço lúdico” (destinado a dança, apresentações folclóricas e exposições), cantina e restaurante, amplo estacionamento privativo, centro administrativo (composto por recepção, tesouraria, diretoria, etc), duas baterias de banheiros (com cinco unidades cada uma), auditório (para 110 pessoas, contando ainda com dois banheiros, camarins e sala de espera) e praça de alimentação (com oito lanchonetes destinadas à venda de comidas e bebidas típicas regionais).

A obra ainda contará com dois galpões comunitários, que possuem áreas para o funcionamento de serraria, serralharia, oficina mecânica, fundição, forno cerâmico, oficina de pintura e almoxarifado.

O presidente da Agência Municipal de Desenvolvimento (Amde) – que vai gerenciar a Vila do Artesão –, Francisco (Tico) Lira, disse que os artesãos já começarão as atividades em um período oportuno. “Refiro-me ao período natalino. Campina já está toda decorada com o projeto Natal dos Sonhos e muitos campinenses e turistas estarão prestigiando as lojas da nossa Vila”, destacou.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.