Vida Urbana

Aprovados na UFCG por meio de cotas no Sisu devem validar autodeclaração a partir desta quinta

Procedimento é novidade no edital da instituição; Prazo termina na sexta-feira (31).




Candidatos cotistas aprovados por meio do Sistema de Seleção Unificada 2020.1 (Sisu) na Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) devem realizar o procedimento de validação de autodeclaração. Conforme o edital, o procedimento é obrigatório nas modalidades de cotas para Pretos, Pardos e Indígenas (PPIs), e para a seleção de Pessoas com Deficiência (PcD). , e deve ser realizado entre esta quinta (30) e sexta-feira (31).

>>> Confira o edital

Estudantes classificados em cursos de graduação nos campus de Campina Grande, Cuité e Sumé, devem fazer o procedimento no Bloco BG do campus da UFCG em Campina Grande, localizado na Rua Aprígio Veloso, no bairro Universitário. Já os alunos cotistas classificados nos campi da UFCG em  Patos, Pombal, Sousa e Cajazeiras devem se apresentar no campus Cajazeiras para o procedimento, das 8h às 11h e de 14h às 16h.

Os que se autodeclararam Pretos ou Pardos serão avaliados com base no conjunto de características físicas do indivíduo, como a cor da pele, a textura do cabelo e os aspectos faciais. Já as pessoas que se autodeclararam Indígenas, devem apresentar o Registro Administrativo de Nascimento de Indígena (RANI), oficialmente emitido pela Fundação Nacional do Índio (FUNAI).

Os estudantes que se inscreveram no Sisu por meio de cotas para Pessoas com Deficiência (PcD) devem passar por análise documental, de acordo com o cronograma de validação previsto em edital. Os que possuem deficiência e que também se autodeclararam pretos ou pardos também devem se apresentar à Comissão de Validação da Autodeclaração.

Os candidatos poderão interpor recurso, caso o procedimento de validação não seja homologado. O prazo para a interposição é subsequente ao da publicação da não-homologação, e os candidatos podem apresentar documentos e elementos comprobatórios da condição apresentada. 


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.