Vida Urbana

Agentes de trânsito de Campina Grande passam a aplicar multa via celular

Talonário eletrônico será implantado a partir desta quarta-feira e os agentes contarão com 71 aparelhos de celular com essa nova função




O tradicional talão em papel para aplicar multas pelos agentes de trânsito em Campina Grande será informatizado e o novo sistema funcionará com o monitoramento via celular. O “talonário eletrônico” será implantado a partir desta quarta-feira (27) e os agentes contarão com 71 aparelhos de celular com essa nova função.

O anúncio oficial e apresentação do novo equipamento de tecnologia da informação aconteceu na manhã desta terça-feira (26), onde os agentes de trânsito também participaram de um treinamento operacional. O superintendente da STTP, Félix Neto, lembrou que no talonário eletrônico o agente fará o registro de infrações de trânsito e, com a informação da placa, o aplicativo vai confirmar as características do veículo, local, data e horário da infração. “Esses dados proporcionarão um aumento da consistência do auto de infração. As infrações registradas no talonário eletrônico apresentarão as imagens da irregularidade cometida pelo condutor, minimizando a possibilidade de erro na construção do auto de infração”, ressaltou. 

Além dessas vantagens, informou o superintendente da STTP, o equipamento substituirá, com vantagens, o tradicional talão impresso de multas. A praticidade do equipamento, aliada às múltiplas funcionalidades, vão otimizar o processamento dos dados, permitindo um melhor gerenciamento operacional do trânsito urbano.

Multas

Somente no ano passado, a Superintendência de Trânsito e Transportes (STTP) aplicou um total de 16.917 multas em Campina Grande, que resultaram em uma arrecadação de 2,1 milhões aos cofres públicos. O valor arrecadado com as multas significa, segundo Félix Araújo Neto, muito mais a falta de conscientização por parte dos condutores de veículos, do que a rigidez do órgão. O valor arrecado é destinado ao Fundo Municipal de Desenvolvimento do Trânsito (FMDT) e investido em ações de engenharia de tráfego e educação no trânsito. 


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.