Vida Urbana

Adolescentes envolvidos em incêndio da feira de artesanato são internados em João Pessoa

Expofeira de Artesanato foi completamente destruída pelo fogo.




Local foi interditado após ação dos Bombeiros (Foto: Antônio Vieira/TV Cabo Branco)

Os dois adolescentes envolvidos no incêndio que destruiu o prédio de uma feira de artesanato na orla de João Pessoa foram internados em uma unidade socioeducativa, à pedido do Ministério Público da Paraíba. Eles foram apresentados, na manhã desta terça-feira (30), ao Ministério Público e estavam sob tutela da Polícia Civil.

O incêndio ocorreu por volta das 2h da madrugada desta terça-feira (30), em Tambaú. Na delegacia, eles confessaram que acenderam o fogo no local da feira, mas disseram que não tinham intenção de causar o incêndio. “Um deles já tem histórico de envolvimento com infrações”, observou o delegado.

Segundo informações repassadas pela Polícia Civil, nem o dono do prédio, nem mesmo os comerciantes que alugavam os boxes para expor e vender os seus trabalhos, tinham seguro das mercadorias e do imóvel. Apesar da destruição do prédio, não houve feridos.

A Polícia Civil realizou perícias e solicita imagens de câmeras do local para subsidiar a investigação. “Mesmo com o pedido de internação feito pelo Ministério Público, iremos continuar com as investigações para encaminhar os laudos e resultados ao juiz que irá decretar a sentença definitiva sobre esses dois adolescentes”, detalhou Gustavo Carlleto.

O Sebrae Paraíba emitiu uma nota na tarde desta terça lamentando o ocorrido. Eles se colocaram à disposição para, no âmbito da sua competência,auxiliar na orientação e capacitação dos pequenos negócios, promovendo o incentivo ao empreendedorismo.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.