Sem categoria

Confira dicas para evitar tensão durante provas do PSS

Nervosismo é comum para pessoas que enfrentam algum momento difícil, sobretudo quando o aluno enfrenta pela primeira vez uma prova de vestibular.




Da Redação
Com Jacqueline Santos do Jornal da Paraíba

As provas do Processo Seletivo seriado 2009 da UFPB começam neste domingo (23) com a aplicação das provas referentes à 1ª série e para se sair bem na prova, além de ter estudado durante o ano, algumas dicas são fundamentais. O nervosismo é comum para pessoas que enfrentam algum momento difícil, sobretudo quando o aluno enfrenta pela primeira vez uma prova de vestibular.

Em entrevista ao Jornal da Paraíba, a psicóloga Germana Pessoa explica que, embora a tensão faça parte dos dias que antecedem o vestibular, é necessário manter a calma e procurar meios de garantir o equilíbrio emocional, a fim de que todos os esforços no estudo não sejam desperdiçados por conta do nervosismo. Ela afirma que reunir pensamentos positivos pode contribuir muito para o sucesso do candidato.

“Em primeiro lugar, o aluno deve ter consciência que se dedicou o suficiente para o concurso e estar seguro que pode conseguir um bom desempenho no vestibular, que não é nenhum bicho-papão, como muitos o consideram. Os estudantes também devem estar atentos a cuidados básicos como aderir a uma alimentação adequada e ter atenção quanto aos horários de descansar e de prova”, recomenda a especialista.

Conhecer o local de prova com antecedência e recorrer a programas que promovam o relaxamento e fujam do tema “PSS” são alguns dos métodos eficazes para garantir um certo equilíbrio emocional, diz a psicóloga. “A ansiedade faz com que o aluno fique mais agitado e atividades como caminhada, assistir a um bom filme, ouvir música, conversar com amigos (nada relacionado ao PSS) induzem a uma higiene mental o que traz a tranqüilidade necessária nesse momento decisivo”, enumera.

O nutricionista clínico Sebastião Filho recomenda que os candidatos priorizem, na noite anterior ao concurso, alimentos que sejam ricos em carboidratos simples, a exemplo de pizza, macarronada e inhame. “O cérebro necessita de carboidrato como combustível e, durante todo o processo de preparação, os alunos ficam muito desgastados”, avisou. Pela manhã, os estudantes devem evitar substâncias com proteína, que leva muito tempo para se degradar. “Uma dica é torrada com geléia e um suco de fruta adoçado. É que a glicose baixa resulta em dificuldade na concentração, gerando desconforto, como ânsia de vômito e cansaço”, explica.

Já no momento da prova, as dicas principais de Germana Pessoa são referentes à leitura atenta das questões e a resolução da prova a partir dos quesitos considerados mais fáceis das disciplinas que o estudante domina mais. A psicóloga ensina um exercício de respiração que pode contribuir para que o aluno escape do ‘branco’ comum na hora da avaliação. “A pessoa deve inspirar pelo nariz e em seguida soltar lentamente pela boca, pelo menos três vezes assim que chegar ao local de prova. O procedimento vai ativar a oxigenação do cérebro, facilitando a concentração e a memorização”, orienta.

Confira o quadro de dicas elaborado pelo G1 para quem vai fazer algum exame. Dicas valem também para candidatos que farão provas de concursos.

 


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.