Política

STJ deve decidir se o pole dance é uma atividade física ou não

Decisão deve fixar um entendimento sobre a modalidade no país.




O Superior Tribunal de Justiça (STJ) ainda pode decidir nesta terça-feira (26) se a prática de pole dance pode ser considerada uma atividade física, fixando um entendimento sobre a modalidade no país.

A reivindicação é do Conselho Regional de Educação Física do Rio Grande do Sul, que busca o reconhecimento da modalidade como atividade física que possa ser foco de aulas dadas por apenas por pessoas com formação em educação física.

O pole dance foi liberado nas instâncias inferiores para professores sem formação sob o entendimento de que seria uma dança. A decisão foi tomada a partir de um recurso contra o Stúdio Pole Dance Lígia de Jesus.

Na local, os profissionais foram fiscalizados pelo conselho regional e questionados por darem aulas sem o registro de educadores físicos. 


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.