Política

Prefeituras podem perder quase R$ 150 mi em verbas do PAC

Inaldo Leitão diz que foi cobrado pela assessoria da ministra Dilma Roussef porque os prefeitos paraibanos não teriam entregado corretamente os projetos do PAC Funasa.




Da Redação

O secretário de Articulação Governamental do Estado da Paraíba em Brasília, Inaldo Leitão, declarou nesta quarta-feira (10) que mais de 80 municípios paraibanos estão ameaçados de perder um valor total de quase R$ 150 milhões em verbas do PAC Funasa por falta de projetos ou porque os projetos enviados contêm falhas técnicas.

A informação sobre a possibilidade da Paraíba perder recursos federais teria partido da assessoria da ministra Dilma Roussef (Casa Civil), que teria alertado para o descaso de prefeitos paraibanos que não estariam cumprido com suas contrapartidas para receber o dinheiro.

Apesar de garantir que possui a relação dos municípios em falta com os projetos para receber a verba do PAC, Inaldo diz que não divulgará quais são as cidades ameaçadas.

Segundo ele, “não é conveniente liberar a lista dos prefeitos responsáveis por esses descuidos porque pode-se cometer injustiças e prejudicar as campanhas nos municípios”. No entanto, ele afirma que já iniciou contatos com as prefeituras e aguarda a urgente correção ou a elaboração dos projetos.

O PAC Funasa é um programa do Governo Lula que tem um orçamento total de R$ 4 bilhões para construção de sistemas de abastecimento de água, esgotamento sanitário, para políticas na área da saúde e para escolas rurais em municípios com até 50 mil habitantes.

Segundo Diana Santos, assessora técnica de projetos da Funasa em brasilia, não há previsão para cancelar verbas para estes municípios, ela ainda disse que o prazo para entrega dos projetos pelas prefeituras vai até 2010.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.