Política

Prefeito de Sousa determina reabertura de bares e restaurantes na pandemia

Fábio Tayrone também prorrogou o decreto de calamidade pública para até 30 de abril.




Foto: Beto Silva

O prefeito de Sousa, Fábio Tyrone (PSB), prorrogou o decreto de calamidade pública em decorrência do novo coronavírus (Covid-19) até o dia 30 de abril. Ele também decidiu flexibilizar o funcionamento de bares e restaurantes locais a partir desta sexta-feira (24). O anunciou foi feito em uma transmissão nas redes sociais da prefeitura, na noite desta segunda-feira (20).

De acordo com o prefeito, restaurantes, bares, lanchonetes e estabelecimentos do tipo vão poder funcionar pelo período de seis horas por dia de maneira ininterrupta ou fracionada. O tempo de funcionamento deve ser definido pelo proprietário, mas não poderá ultrapassar as 22h, nem funcionar das 13h às 17h.

Os proprietários ainda devem disponibilizar somente 50% da capacidade de mesas e manter uma distância de dois metros entre uma mesa e outra. O estabelecimento também vai ser obrigado a deixar disponível álcool em gel e não promover aglomeração de pessoas. O horário de atendimento também deve ser exposto no estabelecimento em um local visível.

Ainda de acordo com o documento, as apresentações musicais e transmissão de lives ficam proibidas. A partir da próxima quarta-feira (22), os comerciantes devem comunicar o horário de abertura ao Procon.

De acordo com a prefeitura, a nova flexibilização de abertura beneficiará mais de 400 comércios no seguimento de restaurantes, bares, espetinhos, lanchonete e afins. O descumprimento das medidas estabelecidas acarreta no fechamento do estabelecimento e cassação do alvará de licença de funcionamento.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.