Política

Policiais civis e militares da Paraíba cobram subsídio de 40% e melhores salários

Representantes das categorias tiveram reunião com João Azevêdo nesta terça.




Representantes das categorias tiveram reunião com João Azevêdo nesta terça (13). Foto: Secom-PB

Membros do Fórum das Entidades das Polícias Civil e Militar da Paraíba, que representa mais de 16 mil servidores da segurança do estado, foram recebidos na manhã desta terça-feira (13) pelo governador João Azevêdo no Palácio a Redenção, em João Pessoa. Na pauta de reivindicações está o pedido de implementação da remuneração salarial por meio do subsídio que vai garantir que, ao se aposentar, eles não percam 40% do valor do salário. Além do subsídio salarial, o Fórum pede também recomposição dos salários com base na média atual dos demais estados da região Nordeste.

Na oportunidade, o governador João Azevêdo reiterou seu reconhecimento à atuação das forças de Segurança do Estado, se prontificou a analisar, juntamente com a equipe econômica do Estado, a proposta apresentada pelas categorias e ainda ponderou sobre indefinições no cenário nacional.

“É preciso ter clareza sobre a gestão pública e precisamos aguardar o final de votações sobre a Reforma da Previdência e as discussões sobre a Reforma Tributária. Quando tratamos de segurança, vamos até os limites possíveis da gestão e vamos buscar caminhos, fazer os estudos, ver o que possível dentro dos limites financeiros, analisar o impacto na folha de pessoal e manter o canal aberto de diálogo com todos”, frisou João Azevêdo.

Os representantes das entidades agradeceram a transparência do governador e o reconhecimento do Governo ao trabalho desenvolvido pelas categorias. “Nós agradecemos os elogios públicos do governador ao nosso trabalho, nos sentimos reconhecidos por isso e acreditamos no diálogo em prol de um objetivo único”, disse a presidente da Associação dos Técnicos em Perícia e Necrotomistas da Polícia Civil (Atenepol), Germana Honório.

O comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Marcelo Araújo, afirmou que a reunião representou um momento ímpar para a Segurança Pública. “Nós estamos conquistando grandes avanços na segurança para que a sociedade sinta essa sensação e isso passa pelos trabalhos de homens e mulheres”, falou.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.