Política

Através de MP, João libera R$ 24 milhões para abertura de Hospital das Clínicas em CG

Nova unidade atenderá inicialmente pacientes em tratamento para Covid-19.




Foto: Divulgação/Secom-JP

O governador da Paraíba, João Azevêdo (Cidadania), liberou R$ 24 milhões para a instalação e abertura do Hospital das Clínicas de Campina Grande. A autorização do crédito extraordinário à Secretaria de Estado da Saúde foi lançada através de Medida Provisória, publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quinta-feira (28). O MP também criou oito cargos administrativos para a nova unidade, que deverá atuar inicialmente no enfrentamento ao novo coronavírus (Covid-19).

O Hospital das Clínicas de Campina Grande deverá ter 120 leitos, 10 leitos de UTI e 110 leitos de enfermaria, e funcionará no prédio da antiga ‘Casa Doutor Francisco Brasileiro’, no bairro da Prata. A proposta é que quando a pandemia passar o local seja transformado em um hospital de clínicas e possa realizar cirurgias eletivas, ou até mesmo uma maternidade.

A expectativa inicial do governo é que o empreendimento fosse entregue no dia 20 de maio. Nesta terça-feira (26), o secretário de estado da Saúde, Geraldo Medeiros, disse que o novo hospital deverá ser entregue no início de junho.

Campina Grande é a segunda cidade mais afetada pela pandemia do novo coronavírus, perdendo apenas para a capital, João Pessoa. Para agravar o quadro,, a cidade serve de retaguarda para o atendimento de pacientes de diversas cidades do interior.

Segundo dados do boletim epidemiológico da SES, divulgado na noite desta quarta-feira (28), o município acumula 1.025 casos casos confirmados de Covid-19 e a ocupação de leitos de UTI é de 80%.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.