Política

Ex-prefeito de Umbuzeiro terá que devolver quase R$ 3 milhões aos cofres do município

A prestação de contas do ex-gestor foi apreciada pelo TCE-PB nesta quarta.




A prestação de contas do ex-gestor do município foram apreciadas na sessão ordinária desta quarta (2). Foto: Divulgação/tce-pb

O ex-prefeito de Umbuzeiro, Thiago Pessoa Camelo, terá de ressarcir aos cofres da Prefeitura quase R$ 3 milhões, em decorrência das inúmeras irregularidades apontadas pelo Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB) nas relativa ao exercício de 2016. A prestação de contas do ex-gestor do município, localizado no Agreste paraibano, foram apreciadas na sessão ordinária desta quarta-feira (2).

Dentre as irregularidades apontadas pelo TCE-PB estão despesas não autorizadas no montante de R$ 2.722,554,79. A lista inclui, ainda, a ausência de documentos, gastos com pessoal acima do limite permitido pela Lei de Responsabilidade Fiscal, não recolhimento de contribuições previdenciárias, despesas com educação (12,61%) e saúde (10,52%), abaixo do limite constitucional e não realização de procedimentos licitatórios.

As irregularidades levantadas pela Auditoria foram corroboradas pelo Ministério Público de Contas, e levaram o TCE -PB à desaprovação das contas do ex-prefeito de Umbuzeiro, Thiago Pessoa. Mas ainda cabe recurso.

 

 


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.