Política

Dilma Roussef pode virar cidadã paraibana

Ministra chefe da Casa Civil da Presidência da República, Dilma Roussef, poderá ter cidadania paraibana.



Dilma Roussef
Dilma Roussef

Da Coordenadoria de Comunicação
da Assembléia Legislativa

A ministra chefe da Casa Civil da Presidência da República, Dilma Roussef (foto), poderá ter cidadania paraibana. O projeto de autoria do deputado pemedebista Raniery Paulino concedendo o título à ministra foi publicado no Diário do Poder Legislativo (DPL) da sexta-feira (25).

Na justificativa da propositura, Raniery destaca que Dilma Roussef é considerada como “mãe” do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). O programa do Governo Federal que visa, no período entre 2007 e 2010, melhorar as condições de vida e aumentar os empregos no país. “A ministra deve ser homenageada na Casa de Epitácio Pessoa, como forma de se prestar uma justa homenagem a quem trabalha para promover a melhoria das condições de vida da nossa gente”, afirmou o parlamentar.

O PAC está organizado em cinco blocos: investimento em infra-estrutura, estímulo ao crédito e ao financiamento, melhoria do ambiente de investimento, desoneração e aperfeiçoamento do sistema tributário e medidas fiscais de longo prazo.

Na Paraíba, diversas ações são contempladas pelo PAC. À exemplo da duplicação da BR-101 (trecho Recife-João Pessoa), conclusão da duplicação da BR-230 (trecho João Pessoa-Campina Grande), projeto de irrigação das Várzeas de Sousa, ampliação da capacidade do aeroporto Castro Pinto para 860 mil passageiros por ano, Sistema Adutor do Congo, entre outros.

Também foram publicados no DPL de hoje outros dois requerimentos de Título de Cidadania Paraibana pelos relevantes serviços prestados à Paraíba. Um deles, de autoria da deputada estadual Iraê Lucena (PMDB), é o projeto de lei nº 939/08 que concede o título à embaixatriz Maria João de Oliveira Monteiro Jardim França . O outro, é o projeto de lei nº 944/08, cujo autor é o deputado Raniery Paulino, concedendo a honraria ao engenheiro civil Marcos Túlio de Melo.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.