Política

Deputado estadual Anísio Maia dispara artilharia contra o STF

Para o parlamentar, a Suprema Corte também está contribuindo com a instabilidade política do país.




O deputado estadual Anísio Maia (PT) é conhecido por não ter ‘papa na língua’. Coloca a paixão e convicções ideológicas na dianteira e parte para o embate. Hoje (10), na AL, disparou sua artilharia contra o Supremo Tribunal Federal, criticando decisões e posições dos ministros. Para o parlamentar, a Suprema Corte também está contribuindo com a instabilidade política do país e a omissão é parte do que chama de golpe contra o governo da presidenta Dilma Rousseff. Deu como exemplo, a demora em analisar o processo de afastamento de Eduardo Cunha, presidente afastado da Câmara.
 
Em dos trechos mais duros de sua fala, afirmou que o STF chancelou golpes de Estado na país. Segundo ele, 1937 silenciou no golpe que criou o Estado Novo e ainda negou habeas corpus a Olga Benário. "Em 1961, sem previsão legal, legitimou a instalação do parlamentarismo para retirar poderes do presidente da República. Em 1964, disse que a ação das Forças Armadas restabeleceu a democracia e a forma de governo institucional. Ou seja, em situações de crise, já sabemos o que esperar do Poder Judiciário. Segundo Anísio, o Supremo legisla para as elites e para os ricos.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.