Política

Arnóbio envia relação de contas reprovadas para o MPE

Arnóbio disse que os gestores presentes na relação deverão ser observados pela justiça eleitoral, e podem sofrer as sanções legais.




Arnóbio envia relação de contas reprovadas para o MPE

Phelipe Caldas

O presidente do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB), conselheiro Arnóbio Viana, confirmou na noite desta quinta-feira (3) que enviou ao Ministério Público Eleitoral a relação com o nome de todos os gestores públicos paraibanos que tiveram suas contas reprovadas nos últimos cinco anos. Ele disse que o objetivo desta relação é fazer um estudo detalhado sobre cada caso, e pedir a inelegibilidade do candidato que for condenado por malversação do dinheiro público.

Arnóbio disse que os gestores presentes na relação deverão ser observados pela justiça eleitoral, e podem sofrer as sanções legais. Ele não soube dizer exatamente quantas pessoas estão na relação, mas os tumores são de que o número passa de 130.

O presidente do TCE paraibano ressaltou ainda o “importante trabalho conjunto” que vem sendo feito com o MPE, que foi denominado como sendo um “salutar intercâmbio entre o tribunal e a procuradoria”.

Apesar das eleições estarem marcadas para outubro, Viana disse que até novembro a lista poderá ser ampliada e complementada a medida que novos gestores tiverem suas contas reprovadas. “Mesmo eleitos, estes gestores posteriormente incluídos na lista podem ter a diplomação vetada”, avisou.

Despreparo – Arnóbio Viana declarou também que o problema mais comum detectado pelo TCE é no que diz respeito ao despreparo dos profissionais das pequenas prefeituras. Ele diz que estas cidades menores não detêm de uma assessoria técnica competente, e que a maioria dos prefeitos acabam tendo as contas reprovadas por culpa de erros infantis.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.