Política

Aliada de Cartaxo revela debandada de vereadores da base na Câmara

Parlamentares cobram nomeação de servidores indicados por eles.




Ausente das sessões da Câmara Municipal de João Pessoa, nesta semana, a vereadora Raíssa Lacerda (PSD) reapareceu no plenário da Casa nesta quinta-feira (23). Ela revelou que há uma insatisfação de mais da metade da bancada da situação com o prefeito Luciano Cartaxo, que é do seu partido, por ele não estar atendendo aos pedidos dos parlamentares da base. Raíssa alertou que pode haver uma debandada da base governista caso Cartaxo não abra ao diálogo.

Segundo Raíssa Lacerda, existe uma insatisfação muito grande com o prefeito. “Mais de dez vereadores estão insatisfeitos, sim”, reiterou, justificando que várias pessoas que trabalhavam como prestadores de serviço, como merendeiras, vigilantes, indicadas por ela e outros vereadores, foram demitidas no início do ano e não foram recontratadas pelo prefeito, embora ainda estejam trabalhando normalmente. “Não tenho diretores de escola, tenho cargos dignos que trabalham muito bem, que estão cumprindo seu horário e não estão recebendo”, afirmou. 

Desde então, segundo a vereadora, ela e outros vereadores da base seguem entregando listas aos secretários para resolver o problema. Os auxiliares do prefeito, entretanto, estariam jogando o problema de uma para o outro. “Sou da base aliada do prefeito, por enquanto, mas esse tratamento com meus eleitores e com a população de João Pessoa não vou aceitar”, criticou. 

Desde janeiro os prefeitos cobram audiência com o prefeito para pedir cargos a eleitores. Recentemente o prefeito Luciano Cartaxo justificou que os cortes de prestadores de serviço fazem parte de uma política adotada para seu segundo mandato com o propósito de reduzir gastos. A proposta, transformada em lei no fim do ano passado, prevê a redução de pelo menos 5% do número de prestadores por ano. 

O secretário de comunicação do município, Josival Pereira, lembrou que o prefeito se reuniu com a bancada na última segunda-feira (21), a segunda em menos de um mês, e que está ouvindo e resolvendo problemas possíveis de solução.

O líder da base de apoio ao prefeito, Helton Renê (PcdoB), foi procurado, mas até o fechamento da matéria não deu retorno. 


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.