Política

Agra revoga ‘bônus’ por multa para fiscais de trânsito de JP

Segundo o prefeito, decreto gerou muitas reclamações da população e até dos fiscais.




O prefeito de João Pessoa, Luciano Agra (PSB), nesta segunda-feira (12) que os agentes de trânsito de João Pessoa não vai mais receber gratificação por multa aplicada. Ele decidiu revogar o artigo do decreto 7.474 que determinava o ganho por produção para os chamados ‘amarelinhos’. O anúncio foi feito após uma solenidade ocorrida no Paço Municipal, onde foram assinados ordens de serviço para para recapeamento asfáltico.

O prefeito disse que o decreto gerou muitas reclamações da população de João Pessoa e até mesmo dos próprios fiscais de trânsito que seriam beneficiados com a medida e por isso ele optou pela revogação do dispositivo. “Eu percebi que a pontuação não ficou muito esclarecida, então resolvemos tirar”, afirmou Agra justificando a revogação da polêmica medida.

O decreto número 7.474 define critérios para concessão de gratificações da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de João Pessoa (Semob), antiga Superintendência de Transportes e Trânsito (STTrans). Segundo a parte que o prefeito anunciou a revogação, o fiscal que multasse mais teria uma salário maior, cada multa representaria 1% de aumento. Eles também ganhariam gratificações por participação efetiva em blitz que tivesse como consequência de recolhimento de veículos irregulares.

Logo depois da publicação do decreto o prefeito chegou a dizer que não havia nenhum problema com ele e também negou que o mesmo incentivasse a criação de uma insústria de multas


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.