Policial

Terceirizados da Polícia Civil de Patos são presos por porte ilegal de arma

Policiais militares cumpriram mandado de prisão e apreenderam armas em Patos. Na Capital, casal foi encontrado com espingarda, cartuchos e drogas.




Karoline Zilah
Com SSP/PB

Dois prestadores de Serviço Administrativo da Superintendência de Polícia Civil de Patos foram presos na tarde da quinta-feira (22) acusados de porte ilegal de arma. De acordo com o 3º Batalhão de Patos, a Polícia Militar cumpriu dois mandados de prisão expedidos pelo juiz José Márcio Rocha Galdino, da comarca de São Bento.

No momento da prisão, Judivan Augusto de Assis, de 36 anos, e Aldan Melquíades da Silva, de 31, foram encontrados com armas e munições ilegais. Os acusados e os objetos apreendidos foram levados para a Superintendência de Polícia Civil, e em seguida transferidos para a cidade de São Bento, onde permanecem presos.

Em João Pessoa

Na Ilha do Bispo, um casal foi preso por policiais do 1º Batalhão e do Pelotão de Choque da Polícia Militar. No apartamento que mantinham no condomínio Índio Piragibe, na rua Frei Herculano, a ação policial encontrou uma espingarda calibre12, três cartuchos, uma pequena quantidade de maconha, um celular e uma moto preta modelo Tornado, cuja procedência será investigada.

Também há suspeitas de que Jeferson Ribeiro da Silva Lacerda, de 22 anos, e Vilma Ferreira da Silva, de 21, estejam envolvidos em recentes roubos de armas que seriam repassadas para criminosos. A dupla foi encaminhada para a 2ª Delegacia Distrital, onde foi autuada em flagrante.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.