Policial

Suspeitos são qualificados pela morte de estrangeiro

De acordo com delegado que investiga o caso, os dois suspeitos estão foragidos, e podem ter prisão preventiva decretada.




A investigação sobre o assassinato do alemão Siegsried Schimts, de 62 anos começa a chegar ao fim e o delegado Marcelo Falcone, responsável por investigar o crime, afirmou que já fez a qualificação de dois suspeitos que se encontram foragidos. Um terceiro criminoso que também participou do crime ainda não foi identificado.

“Quando uma pessoa suspeita de ter praticado um crime não é localizado, nós intimamos parentes e fazemos a qualificação desta pessoa. Foi exatamente o que eu fiz, com endereço e nome completo e aparência física dos suspeitos com base nas informações de parentes. Com essa qualificação eu posso solicitar a prisão preventiva deles já que não posso mais efetuar a prisão em flagrante,” explicou o delegado Marcelo Falcone.

O delegado ainda afirmou que aguarda apenas a liberação de laudos do Instituto de Polícia Científica para solicitar a prisão preventiva das três pessoas envolvidas no assassinato de Siegsried Schimts “Nem o laudo cadavérico eu recebi ainda e para solicitar a prisão preventiva são necessárias provas testemunhais e técnicas,” completou o delegado.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.