Policial

Suspeito de envolvimento na morte de PM se entrega à polícia

Homem é filho de um sargento da Polícia Militar que também está preso. Morte do tenente Ulysses Costa aconteceu na última quinta (4), em João Pessoa. 




Na tarde desta quarta-feira (10), o filho de um sargento da Polícia Militar (PM), que seria um dos suspeitos de envolvimento na morte do tenente Ulysses Costa, se entregou com o advogado, na Central de Polícia, no bairro do Geisel, em João Pessoa. A informação foi divulgada pelo delegado de Homicídios da capital, Reinaldo Nóbrega. O crime aconteceu na noite da última quinta (4) em Mangabeira.

Segundo o delegado, o pai do suspeito, um sargento da PM, teve a prisão preventiva decretada e o filho também está sendo investigado por posse ilegal de arma.

Ao todo, oito pessoas já haviam sido detidas até a noite de quinta por suspeitas de envolvimento com o crime. No entanto, conforme a Polícia Civil, somente seis permaneceram presos.

Destes seis, quatro foram ouvidos pelos delegados da Central de Flagrantes e devem responder por porte ilegal de armas e tráfico de drogas.

Já os outros dois foram ouvidos na Central de Homicídios, sendo suspeitos de envolvimento direto com a morte do policial. Os suspeitos detidos alegam que não têm ligação com o caso, mas que estavam no local próximo de onde aconteceu a morte do tenente.  


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.