Policial

Professora é assassinada durante briga em bar no Cariri

Vítima tentou se defender com pedaço de telhas, mas foi assassinada com dois golpes de faca no pescoço.




Uma manhã de bebedeira terminou com um crime bárbaro neste domingo (19), na cidade de Monteiro, no Cariri paraibano, quando a professora Maria José Pereira de Oliveira, 56 anos, foi assassinada com golpes de faca no pescoço. O fato aconteceu na frente de um bar na zona rural. Uma agricultora de 56 anos, que está foragida.

De acordo com as informações da Polícia Militar, o homicídio aconteceu por volta das 12h no sítio Serra Branca. A dona do bar disse que a vítima e acusada estavam bebendo no local e começaram a discutir. Após serem expulsas do bar, pela dona, elas continuaram a briga em frente ao estabelecimento, onde o homicídio aconteceu. 
 
A professora  Maria José Pereira de Oliveira foi atingida por dois golpes de faca no pescoço e morreu no local. A agricultora já foi identificada pela polícia, mas está foragida. Ainda de acordo com testemunhas, no momento do crime a professora ainda tentou usar um pedaço de telha, para se defender, mas não conseguiu evitar os golpes de faca. 
 
O caso está sendo investigado pela Delegacia de Polícia Civil da cidade de Monteiro. Desde o momento do crime, agentes da polícia estão em busca da acusada para realizar a prisão em flagrante. Até as 10h da manhã de hoje (20) ela ainda não tinha sido presa. 


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.