Policial

Presos 3 suspeitos de sequestrar irmã de Hulk em CG

Polícia encontra cativeiro e prende três suspeitos de sequestrar a irmã de Hulk.




No início da tarde desta terça-feira (6) a Polícia Civil confirmou que três pessoas foram presas suspeitas de terem participado do sequestro de Angélica Aparecida Vieira, irmã do jogador Hulk, em Campina Grande na segunda-feira (5). Ainda existem mais três suspeitos sendo procurados.

André Rabelo, delegado geral de Campina Grande, afirmou que já sabe onde fica o local onde a jovem era mantida em cativeiro, que fica cerca de 1km e onde ela foi abordada, no bairro do Catolé.

Segundo o delegado, os sequestradores teriam se desentendido quanto ao valor do resgate, ficado assustados com a repercussão do caso na imprensa e acabaram soltando Angélica.

O caso
A irmã mais nova do atacante foi vista entrando na casa dos ais por volta das 12h (horário de Brasília) da terça-feira (6), no bairro do Alto Branco, em Campina Grande. A informação foi confirmada pela Polícia Civil.

Angélica estava desaparecida desde as 14h da segunda-feira (5). A polícia informou que ela estava no carro de um amigo, em frente a um restaurante quando foi levada por criminosos. O amigo Hélio Pereira da Silva disse em depoimento que o carro foi deixado no local da abordagem. Hélio chegou a ser levado para o hospital Pedro I, após passar mal. Ele foi liberado após fazer exames.

O delegado regional da Polícia Civil em Campina Grande, Marcos Paulo Vilela, já havia confirmado que a irmã mais nova do atacante havia sido vítima de um sequestro na cidade.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.